Quem sou eu

Minha foto
Rio Claro, SP, Brazil
PATCHWORK e CÃES de RUA me encantam. O primeiro porque faz com que exercite meu lado criativo, o segundo pelo carinho incontestável que me oferecem sem exigência nenhuma. Sou grata a Deus por ser visível aos CÃES DE RUA. Meu lema:"FAZER O BEM SEM OLHAR A QUEM" contato @ criscrepaldi1953@gmail.com

Arquivo do blog

sábado, 1 de março de 2014

COMO DESFIAR O TECIDO PARA BORDAR O AJOUR

Foi indelicadeza de minha parte, fazer o video e as fotos demonstrando o bordado de ajour para barrados, sem antes ensinar como desfiar o tecido.
Como eu vivi desde a idade infanto juvenil fazendo desfiados, não me ative da dificuldade que as pessoas poderiam encontrar para executar essa preliminar.
Peço desculpas por isso e segue então abaixo, o tutorial em fotos.
Vamos lá e para ver com mais clareza clique em cada foto para ampliar.
O tecido aqui exposto é sacaria para pintura da Estilotex.
Marque com alfinetes a margem que deseja para fazer a barra. Faça isso nos 4 cantos.


Atente para o ponto onde os alfinetes se encontram.


Na vertical, distancie desse ponto mais ou menos uns 10 cm e marque 1 fio ( apenas 1 fio ).


Com uma tesoura de ponta fina, corte esse fio.


Puxe-o com delicadeza, com o auxilio de uma agulha ou mesmo com o alfinete. É para puxar apenas o fio. Vá puxando a cada 0,5 cm. É um pouquinho demorado, mas vale à pena pela qualidade do acabamento. Procure não franzir o tecido para não danificar a trama.


Chegue com esse fio até o ponto onde os alfinetes se encontram. Reserve.
Faça a mesma coisa, agora, na horizontal. ( * farei uma observação no final - essa é a foto 6 ).


Os dois fios se encontram no ponto em que os alfinetes formam 90 graus. Reserve.


Atentem para os fios que foram cortados ( cada um em uma tesoura ).


Puxe o fio que está na tesoura da cegonha ( na sua vertical ). Nesse momento você pode ir franzindo, porém com delicadeza e cuidado.


Até chegar a 10 cm da próxima marca. Note que ao chegar ao ponto dos 10 cm não está mais franzido.


Corte-o.

Então proceda como no início. Puxe-o com cuidado até chegar onde os alfinetes se encontram.


Repita a operação até chegar no terceiro canto e pare. Aí teremos um "pulo do gato". Lembram que no inicio eu desfiei na horizontal e vertical ? * Vejam na foto 6. Pois agora vocês levem o fio que foi cortado na horizontal ( no inicio do trabalho ) para se encontrar com a marcação do terceiro canto. Não se esquecendo de cortá-lo a 10 cm do alfinete.


 Estará fechado o quadrado.


Agora que os primeiros fios foram puxados e formou um quadrado no centro da toalha, fica mais fácil. Eu optei por retirar mais 3 fios. Com o auxilio de um alfinete levante os 3 fios que estão pelo lado interno do quadrado. Corte-os e proceda como fez desde o inicio.


Não esquecendo de cortar os 3 fios aos 10 cm em cada um dos 4 cantos.


Ficarão 4 fios puxados de cada lado.


Agora é só virar a barra como eu ensino no tutorial para a execução do ajour http://cristinacrepaldi.blogspot.com.br/2011/08/ponto-ajour-ou-bainha-ouro.html  deixando esses fios soltos pelo lado de dentro do quadrado. Após virar a bainha, coloque em uma agulha, um a um de cada fio e embuta dentro da bainha. Corte o excesso que ficou.
Boa sorte e bom trabalho.

terça-feira, 11 de fevereiro de 2014

APLICAÇÃO COM A TÉCNICA VIRADA DE AGULHA

VIRADA DE AGULHA



Existem diversas maneiras de fazer a técnica VIRADA DE AGULHA, muito utilizada em aplicações de  patchwork.
A seguir passarei um tutorial bem simples, e por não ser a favor do uso de cola em trabalhos de patchwork, usarei a agulha mais vezes...
Também não usei sobreposição de tecidos para que o tutorial fique menos longo.

NAS FOTOS ABAIXO ATÉ QUE EU INICIE O PONTO INVISÍVEL, TODO O PROCESSO É FEITO COM O TECIDO DO CORAÇÃO, SOLTO NA MÃO. SÓ O COLOQUEI SOBRE O TECIDO DE ESTAMPA PRETA, PARA FACILITAR SUA VISUALIZAÇÃO.

INICIANDO:

Faça o molde que deseja aplicar e coloque sobre o avesso do tecido:


Risque com lápis de ponta fina e recorte deixando uma margem de mais ou menos 0,75 cm:


Faça sobre a linha riscada, pesponto com linha de retrós e de cor que dê destaque:


Dê pequenos piques na volta arredondada do coração, com cuidado para não chegar no pesponto:


Vire o coração pelo direito, empurre para trás o tecido excedente e faça alinhavo na volta toda:


Ficará assim a frente:


Ficará assim o avesso:


Prenda com alfinetes no local que desejar. Inicie o ponto invisível entrando com a agulha pelo avesso do tecido, no bico do coração:


Vá fazendo os pontos introduzindo a agulha no tecido de baixo e saindo na diagonal no tecido de cima, usando como referência o pesponto que fez no risco do coração até concluir:


Corte e retire com cuidado a linha do pesponto e a do alinhavo e aí está:


Mesmo sem ter colocado manta acrílica por dentro, ele já dá um visual de volume.

Boa sorte.


sábado, 8 de fevereiro de 2014

FUXICO DIFERENTE - AMOR-PERFETO

FUXICO DIFERENTE - AMOR-PERFETO

SE ESCOLHER AS CORES CORRETAS ELES FICARÃO EM FORMATO DE AMOR-PERFEITO
VEJA EM VIDEO -
https://www.youtube.com/watch?feature=player_detailpage&v=V0_TiEAWvCE






Hoje vou passar a vocês um fuxico que "bombou" em minha fan page. Foi usado num PAINELZINHO DE BOAS VINDAS. Já publiquei aqui um tutorial de como confecciono meus fuxicos básicos. Ficam perfeitos e a maneira de fechá-los serve para qualquer outra variação. 

link: http://cristinacrepaldi.blogspot.com.br/2011/07/fuxicos-bem-feitos.html

Primeiro passo é a confeccão do molde. Darei duas medidas, mas através delas você poderá criar no tamanho que lhe for conveniente.

Desenhe numa cartolina ou papel comum, essas medidas para um fuxico maior:


Ou nessas medidas para um fuxico menor:


Recorte o retângulo  que preferir e dobre-o em 4 partes: 


Risque arredondando, pelo lado externo da dobragem, 1/4 da pétala:


Recorte e abra. Terá pronto o molde e para dar um bom acabamento sugiro transferir para o acetato:


Risque agora 5 pétalas no avesso do tecido. Podem ser da mesma estampa, ou aproveite retalhinhos que supostamente não serviriam para nada. Não é necessário deixar margem de costura. Corte em cima da risca.
Usei cada pétala em tecido diferente para facilitar a execução.
Dobre a primeira pétala em dois e marque o meio dela com um alfinete: 


Dobre também a segunda pétala e sobreponha à primeira como vê na figura abaixo.
Como sugestão eu sugiro que você passe uma cola ( de tecido ou cascorez rótulo azul ), camada bem fininha, na parte interna das pétalas quando for dobrá-las ao meio. Elas facilitarão enquanto estiver sobrepondo uma a uma:


Continue sobrepondo até chegar na quinta pétala:


Para fechar note que a PRIMEIRA pétala ficará SOBRE a ÚLTIMA:


Inicie o pesponto com linha resistente. Sugiro linha de carretel, número 30 ou 40.
Nesse momento faça o pesponto como mostro no post de FUXICOS PERFEITOS e atenção especial para ver se os pontos estão pegando o tecido de baixo. Às vezes eles escapam.


Franza:


Passe uma volta toda com a linha nas preguinhas que formaram:


Este lado em que você trabalhou o pesponto será o direito do fuxico.
Enfie o fio por dentro, para pregar o fuxico onde for conveniente.


Se quiser um acabamento diferente, coloque um botão meia bola. Este pode ser forrado em tecido também:


Dê asas à sua imaginação e confeccione fuxicos com diferentes cores. Se prestar bem atenção no formato dele, é possível fazer amores-perfeitos. Fica a dica.
Boa sorte e bom trabalho.
Sempre com meu carinho.



terça-feira, 3 de dezembro de 2013

ESCOLHA DA MÁQUINA DE COSTURA A COMPRAR

COMO ESCOLHER O MODELO E MARCA DE MÁQUINA DE COSTURA PARA COMPRAR.

Uma das perguntas mais frequentes que recebo é sobre qual modelo e marca de máquina de costura são mais confiáveis.
Vamos ver se consigo ajudar, você que ainda não tem a sua.
1 - Temos 3 marcas mais conhecidas no mercado nacional. SINGER, BROTHER E JANOME.
2 - As 3 marcas tem máquinas domésticas e eletrônicas.
3 - Os valores variam e depende do quanto você tem disponível para a aquisição.
4 - Todo aparelho eletroeletrônico são fabricados em série, então podemos dar azar e comprar um com defeito. É muito difícil acontecer, mas para isso existe a garantia de fábrica que deve ser exigida, inclusive para troca da mercadoria. O Código de Defesa do Consumidor é bem claro nesse item.
5 - Antes de comprar descubra qual assistência técnica das 3 marcas você tem próxima a você.
6 - Faça pesquisa na net das marcas entrando no site de cada uma e veja qual supre melhor suas necessidades:
http://www.brother.com.br/site/produtos/maquinas-de-costura-e-bordado/43/
http://www.singer.com.br/?gclid=CIu64pL4k7sCFSdp7AodKXAA1A
http://www.janome.com.br/
7 - Após a pesquisa vá a loja de revenda e então faça uso de sua intuição e compre aquela que LHE ATRAIR. São ELAS ( as máquinas ) que nos escolhem, pode acreditar.
8 - A mais importante das informações: - NENHUMA MÁQUINA FAZ PATCHWORK PARA VOCÊ. ELAS SÃO APENAS MÁQUINAS E SERÁ VOCÊ A OPERÁ-LA.
Boa sorte em sua aquisição.
Bom trabalho e sucesso.

quarta-feira, 30 de outubro de 2013

PAINEL GATINHOS

COMPARTILHANDO UMA DIFICULDADE...

Tenho domínio sobre o patchwork; sobre escolha de cores para deixar o projeto mais agradável; "quilting" à mão e até bordados, mas em se tratando de "quilting" à máquina, aí percebi que tenho uma enorme dificuldade e uma barreira muito grande a transpor.
Este painel foi uma experiência e tanto.
Precisei desmanchar muitas vezes até conseguir concluir.
Embora tenha ficado apresentável, ainda prefiro o "quilt" à mão.
Eis...